quinta-feira, 13 de junho de 2013

Monólogo de mim… XIII

Sinto-me em automático, como se estivesse parado e tudo passasse por mim…
Não tenho vontade de mudar nada… mesmo sabendo que, vontade houvesse, haveria sempre algo para mudar…
Sinto-me… ou será que apenas me vejo? Será que apenas vou observando como tudo se vai passando, achando-me imune, à parte do que acontece…?


Sou algo que não sei o que é.
Talvez o meu propósito seja descobrir.
Mas não me apetece… ou acho que não devo..
Imagina que consigo descobrir!
Teria de arranjar outro propósito…
Sim, porque viver sem propósito é chato

Sou algo que não sei o que é,
E faço de conta que o meu propósito é descobrir,
Porque é bom ter um propósito
Mesmo que seja só fingir.

Sou algo que não sei o que é,
E não sei se quero saber…



FATifer

Sem comentários:

Publicar um comentário

É favor comentar se acha que tem algo a acrescentar…
Aviso apenas que me reservo o direito de eliminar qualquer comentário que entenda, porque sim!